Loading...

Daily Calendar

segunda-feira, 26 de abril de 2010

O Plano dos Illuminati (INWO)
Obrigado por nós vizitar
Um Nome Sobre Todo o Nome



O nome de Jesus, este precioso nome que está acima de todos os nomes. Jesus herdou do Pai um nome mais grandioso do que qualquer ser angelical (Hebreus 1:1-6).



Como Filho de Deus, Jesus Cristo é herdeiro de todas as coisas. Ele é a expressão exata de Deus e o resplendor do Pai.



Deus lhe deu um nome que está acima de todos os nomes. À dedução é que havia um nome conhecido no céu e desconhecido noutros lugares, e que este nome foi guardado para ser doado a alguém que o merecesse; e Jesus conforme o conhecemos, o Filho Eterno conforme Ele é conhecido no seio do Pai recebeu este Nome por doação e a este precioso Nome todo joelho se dobrará, nos três mundos, para a Glória de Deus Pai. “Pelo que também Deus o exaltou sobremaneira e lhe deu um Nome que está acima de todo o nome, para que ao Nome de Jesus se dobre todo o joelho - de seres nos céus - de seres na terra e de seres debaixo da terra e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai”. (Filipenses 2:9-11).



O céu, a terra e o inferno reconhecem o que Jesus fez, portanto toda a autoridade, todo o poder e a totalidade das suas realizações acham-se em seu Nome. E o Nome de Jesus em nossos lábios operará as mesmas coisas agora que operava naqueles tempos. Ele é Deus que nos fala.



Quando foi que Jesus herdou do Pai o mais excelente Nome?

Não herdou no céu antes de vir para a terra, porque Ele já possuía TUDO. Não herdou quando esteve aqui nesse mundo, porque Paulo falando aos Filipenses diz que Ele se esvaziou de toda a Honra e deixou de lado toda a sua Glória.



Que Ele seja o seu exemplo de humildade, pois Ele sendo essencialmente um com Deus e substituindo em forma de Deus (possuindo a plenitude dos atributos que fazem que Deus seja Deus), não julgou essa igualdade com Deus como algo a ser procurado, antes se despiu de todos os privilégios da própria dignidade assumindo a forma de servo escravo para tornar-se como homem nascendo como ser humano. “Tende em vós o mesmo sentimento e propósito e mente (humildade) que houve também em Cristo Jesus”. (Filipenses 2:5-7).



Tudo isto Ele o fez em nosso benefício para que pudéssemos usar o seu Nome. Em benefício da sua Igreja, Cristo Jesus esvaziou-se:

Dos seus atributos divinos como criador. (João 5:19-21).

Dos seus atributos divinos de tudo saber e tudo poder.

Do seu atributo divino de estar em toda parte. (João 11:21).



Olha ai nossa Igreja amada onde nós nos encontrmos pra adorar a Deus faça nos uma vizita,estamos anciosos pra comhecer novas pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário